Missão De Leah C. Stewart

Ir em baixo

Missão De Leah C. Stewart

Mensagem por Ares em Qua Jan 01, 2014 7:52 pm

Uma aberração foi encontra nas proximidades do acampamento Júpiter, sua missão será captura-lá viva ou morta, os perigos dessa missão são eminentes, uma vitima de um dos ataques lhe levará ate o ultimo local onde o mostro foi visto
Regras:
Missão One-post
Movimento inadequados não serão aceitos
5 Dias Para Postar na missão
avatar
Ares
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 13
Data de inscrição : 17/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão De Leah C. Stewart

Mensagem por Leah H. Gauthier em Qui Jan 02, 2014 3:36 pm


Depois de dias completamentes entediantes, fico sabendo que uma criatura, aberração ou seja lá como você queira chamar foi vista próxima ao acampamento. Isso pode significar algum tipo de ameaça e é bom alguém tomar uma providência antes que a situação piore. Como eu não tinha mais absolutamente nada para fazer além de comer biscoitos enquanto olho para o teto, resolvo tentar dar um jeito nisso já que esse caso não parecia estar sendo assim tão comentado e os campistas não pareciam interessados ou crentes a ponto de tirarem as bundas da cama e fazerem algo.

Então aqui estou eu, tirando do ármario minha mochila empoeirada juntamente com meu arco nas costas, minha aljava no canto da mochila, com a réplica do tridente e o escudo socados. Era tanta coisa que ficava impossivel de fechá-la, porém com aquele aperto também ficava díficil de cair tuo para fora. Coloco uma roupa mais confortável, que eu costumo usar em treinos, como uma legging, botas de coura, uma blusa comum e um casaco de couro... Eu devo estar parecendo mais uma serial killer, mas é exatamente esta a imagem que eu quero passar.

Depois de tudo pronto, junto a mochila em um ombro, o arco no outro e saio a procura da tal vítima dessa "coisa". Não foi difícil encontra-lo, já que estava cercado por alguns campistas que pareciam curiosos na história que tinha para contar - Hum... Oi, eu sou a Leah. Bom, fiquei sabendo dessa sua história e gostaria que me levasse até o local onde esse bicho foi visto pela última vez... tem como? - Pode parecer loucura pedir para alguém traumatizado te levar de volta no lugar que ele pode ter sido quase morto, porém sou assim, curta e direta - Juro que se tiver algo por lá eu vou te proteger - Digo tentando parecer convincente. Observo ele se afastar das outras pessoas e começar a me acompanhar até o local, só espero não ser pega de surpresa.

Depois de caminhar por alguns minutos chegamos em um lugar no meio do nada. A vítima me aponta onde o monstro estava exatamente e logo depois desaparece do meu lado e quando percebo ele já está correndo pelo caminho que fizemos, sumindo por entre as árvores... Medroso. Caminho um pouco mais para o centro do gramado observando em volta, mas tudo estava quieto demais, será que esse tio estava alucinando ou algo assim? Pego minha mochila já virando para ir embora quando sinto algo me atingir e me jogar para trás junto com a mochila. Quase caio de cara no chão, mas evito a queda apoiando meus braços no chão, começo a procurar pela minha mochila e percebo ela jogada um pouco a frente com as armas caídas e o arco logo ao lado.

Foco meu olhar no tal monstro e percebo uma criatura estranha que não me lembrava de ter visto antes, porém era bem assustadora. Me levanto em um salto quando percebo o bicho vindo atrás de mim, só tenho tempo de tirar meu colar do pescoço e acionar o pingente que se transforma em uma espada de prata. Quando a aberração se aproxima, antes da mesma fazer qualquer movimento, acerto um golpe em seu tronco, ganhando um pouco de tempo para correr até minha mochila. Pego o escudo e o prendo no braço esquerdo e também pego o tridente, o estendendo e o segurando na mesma mão já que a outra estava ocupada com a espada.

Quando percebo, o monstro já está me acertando outro golpe na cabeça mas me defendo antes de ser acertada, porém ele continua fazendo força para tentar me esmagar ou algo assim, aproveito esse momento cravando o tridente em seu braço (ou pata, seila) e o monstro solta um grito bem desafinado, parando de fazer pressão em meu escudo. Pego impulso no tridente que estava cravado nele e com um pulo monto em seu braço como um cavalo. Puxo o tridente e percebo que o deixei bem irritado, ele chacoalha o braço e para eu não ser arremessada de novo, espero ele dar o impulso certo para cima e acompanhando seu movimento pego outro impulso e pulo, sendo jogada super alto porém não arremessada. Quando estou caindo, seguro a espada para baixo e caio bem em suas costas cravando a espada na mesma e logo depois o tridente.

O monstro solta outro grito desafinado e eu caio de volta no chão por ele estar se mexendo muito, porém não tão forte quanto da última vez. Ele cai de lado no chão e eu rezo para ele estar morto, me aproximo um pouco mais e puxo a espada e o tridente, ele solta um gemido e depois tudo fica em silêncio novamente. Me afasto com medo de algo a mais acontecer, porém nada acontece. Junto minhas coisas na mochila de volta, pego o meu arco jogado no chão e desço de volta para o acampamento correndo para avisar alguém.



Leah Gauthier
seventeen ♥️ daughter of Poseidon ♥️ reaper of Thanatos
thank you, thay.
avatar
Leah H. Gauthier
Ceifadores de Thanatos
Ceifadores de Thanatos

Mensagens : 26
Data de inscrição : 20/01/2013
Localização : under water

Ficha Olimpiana
HP::
130/130  (130/130)
MP::
130/130  (130/130)
Arsenal::

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão De Leah C. Stewart

Mensagem por Ares em Seg Jan 06, 2014 8:09 am

Experiencia Adquirida: 45 XP Denários: 35 D
avatar
Ares
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 13
Data de inscrição : 17/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão De Leah C. Stewart

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum